La Página de los Cuentos
Tu comunidad de cuentos en Internet
[ Ingresa
|
Regístrate ]

Menu
Home
Noticias
Foro
Mesa Azul
Eventos
Enlaces
Temas
Búsqueda

Cuenteros
Locales
Invitados


Inicio / Cuenteros Locales / hibrida / O MENINO SERELEPE (INFANTIL - Série Serelepe)

 Imprimir  Recomendar
  [C:282776]

Serelepe é uma sementinha de gente – Assim é como sua mamãe costuma lhe chamar.

É uma sementinha, porque ele ainda é bem pequeno – Só a bem pouco deixou de ser um bebê.

Mas, ainda usa fraldinhas - E é na fralda que Serelepe ainda faz o seu xixi e seu cocô.

Serelepe tem cabelos bem encaracolados – Por onde passa todos admiram seus cachinhos cor de mel, lhe chamando por esse motivo de Cabelinho de Anjo.

Na verdade além de seus cabelos sua carinha sempre risonha e levada lhe faz parecer um anjinho – Um anjinho dos mais sapecas!

Esse pequenino com carinha de anjo é uma sementinha de gente muito esperta e muito tagarela. Semelhante a muitas outras sementinhas de gente. Porém, para sua família Serelepe é pra lá de especial.

Em casa, para alegria de todos, Cabelinho de Anjo, sempre está exibindo uma novidade, com isso e a cada momento vai se tornando mais e mais gracioso.

Por gostar muito de tagarelar sempre está repetindo o que ouve, pois está aprendendo a falar e para facilitar as conversas já inventou muitas palavras – Uma das mais bonitas é “Fuar” – em sua imaginação é sinônimo do verbo soprar. Quando algo está quente ou se precisa ser, enchido, Serelepe, sempre pede para sua mamãe fuar, quer dizer soprar – “Fua mamãe, fua”.

Texto agregado el 13-04-2007, y leído por 199 visitantes. (3 votos)


Lectores Opinan
2007-04-14 12:08:18 uma gracianha de conto, novo verbo fuar hahaha, o idioma das crianças é a coisa mais linda. nocheluz
2007-04-13 19:11:51 Me gusta la músicalidad de esta lengua; debería aprender. sereira
 
Para escribir comentarios debes ingresar a la Comunidad: Login


[ Privacidad | Términos y Condiciones | Reglamento | Contacto | Equipo | Preguntas Frecuentes | Haz tu aporte! |
]