La Página de los Cuentos
Tu comunidad de cuentos en Internet
[ Ingresa
|
Regístrate ]

Menu
Home
Noticias
Foro
Mesa Azul
Eventos
Enlaces
Temas
Búsqueda

Cuenteros
Locales
Invitados


Inicio / Cuenteros Locales / hibrida / HOJE

 Imprimir  Recomendar
  [C:562363]

Hoje ao ver como fluía o trânsito, atípico, para um início de semana
Me vieste a mente, hoje, também, tão cheia de conceito e definições científicas. Ainda que pareça contraditório, andado ultimamente, meio perdida - Quem és Tu?!

Defronte a alguns modos de Te ver e dizer-Te, fico eu perplexa - Sem saber-Te. Quem, sabe sejas a fluidez de minhas reflexões, me fazendo conceber ideias que se realizam e surpreendem, inclusive, a mim - Como consegui, como?!

Hoje, com toda a especialidade do momento, seguindo sem saber ao certo - Quem tu és, porém, dentro de uma realidade que até mesmo eu duvido, se tenha realizado, resta-me, Agradecer-te!

Mais uma vez, hoje, querendo endereçar ao certo o agradecimento de a pouco. Concordando com os que pensam que só o que é natural pode explicar o que é natural - De modo que em minha mente já não cabe o sobrenatural.

Concepção esta que faz alongar caminhos, permitindo a necessidade de intermediários necessitados de audiência, entre outras carências fazem esses surgir o Inexplicável! Sugestionante de incautos.

Pois se o transito fluí muito bem em plena manhã de uma segunda feira, é simplesmente por que o que lhe constitui a natural fluidez, esperada por todos os transeuntes, foi posto em ordem, simples assim!

Como fluída deve ser a vida, e, ordenadas as suas rotinas a fim de que aconteçam as mudanças ocasionando o bem-estar pessoal e coletivo, propiciando a fraternidade, ou modernamente dizendo - as Gentilidades!

E se gentileza gera gentileza - Obrigada, irmão, pela tolerância à minha declaração de amor ao Verbo que me inspira a protagonizar a vida que mim me cabe!

Texto agregado el 16-11-2015, y leído por 53 visitantes. (3 votos)


Lectores Opinan
2016-01-15 19:57:18 Me encantó leerte,sabes? yo soy brasilera pero hace muchos años vivo en Montevideo por eso mis escritos son en español pero cuando voy a Brasil hablo mi idioma, un beso. ome
2015-11-16 14:01:22 Me encanta leerte y, aunque no soy correspondido por tí, he de confesar que leo en secreto casi todo lo que escribes. Leer un texto en portugués, es leer el drama de un fado, la sensualidad de una samba o la inmensa dulzura de una lengua que acaricia...al hablar.+++++ crazymouse
 
Para escribir comentarios debes ingresar a la Comunidad: Login


[ Privacidad | Términos y Condiciones | Reglamento | Contacto | Equipo | Preguntas Frecuentes | Haz tu aporte! |
]